Um vaso feito de cabelo?!

por Juliana Muniz em 7 de julho de 2014

1 Comentário

Você já parou pra pensar em cabelo como uma matéria prima renovável? Parece meio doido, né? Mas é assim que o Studio Swine vê as madeixas que crescem de nossas cabeças: matéria prima sustentável para objetos de decoração.

A China é um dos maiores importadores de madeira nobre tropical e a maior exportadora de cabelo do mundo. Preocupado com a questão ambiental do desmatamento, o Studio Swine  investigou a indústria de cabelo em Shandong, na China. Eles seguiram todo o percurso que o cabelo faz desde quando é cortado, vendido, comercializado e processado pela indústria especializada nesse ramo.

Resultado? Descobriram que combinando cabelo e resina, daria pra fazer uma linha de objetos decorativos com um design parecido com madeira, só que sem a necessidade de derrubar uma árvore sequer.

Eles fizeram um mini documentário, mostrando todo esse processo. Confesso que no começo eu não sabia do que se tratava e achei que era um vídeo sobre uma espécie de “mercado negro de cabelo”, rsrs. Mas quando vi o resultado, fiquei muito surpresa. As peças ficaram muito bonitas e até mais interessantes do que peças que são feitas com madeira. Dá só uma olhada em algumas:

hh04 hh01 hh03 hh00 hh02

Ah, esse é o vídeo que eles fizeram documentando toda a jornada do cabelo até virar uma peça de decoração. É realmente surpreendente. Um pouco esquisito, confesso, mas o resultado é muito interessante:

Legal, né? E caso você tenha um cabelão e tenha se empolgado com o post, considere que a China já tem de sobra e dá uma olhada no que você pode fazer com ele aqui no Brasil mesmo.

 

  • Nailan

    Muito daora!

Google+